O país cabe aqui.

Mini-cimeira estabelece cessar-fogo no leste da RDC

0

Notícias de Angola – A mini-cimeira para a paz na República Democrática do Congo (RDC) determinou na quarta-feira, o estabelecimento do cessar-fogo no leste daquele país a partir das 18h00 da próxima sexta-feira (25).

Segungo à ANGOP, a informação foi prestada pelo Presidente da República de Angola e mediador do processo, João Lourenço, no final do encontro que reuniu estadistas ou seus representantes na capital angolana.

O Chefe de Estado angolano, João Lourenço, disse que o cessar-fogo será seguido do acantonamento das forças do M23, o seu desarmamento e a integração na sociedade congolesa.

Afirmou ser um passo curto, mas de grande significado.

João Lourenço informou, igualmente, que o processo tem um calendário que se procurará cumprir à risca.

Admitiu a possibilidade de se introduzir alterações para corrigir-se eventuais situações até ao alcance da paz definitiva e a normalização das relações entre a RDC e o Rwanda.

A mini-cimeira, realizada por iniciativa do Estadista angolano, contou com a presença dos Presidentes da RDC, Félix Tshisekedi, do Burundi, Évariste Ndayishimiye, do ministro dos Negócios Estrangeiros do Rwanda, Vicent Biruta, e do antigo Estadista queniano, Uhuru Kenyatta.

Também participaram da reunião, que ditou o ultimato para a retirada do M23 das zonas ocupadas no leste da RDC, a representante especial do Presidente da Comissão da União Africana, Michelle Ndiaye, o secretário executivo da Conferência Internacional da região dos Grandes Lagos, João Caholo e o comandante do mecanismo de verificação ad hoc, tenente general Nassone João.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de Privacidade e Cookies