O país cabe aqui.

“As marcas podem ser ferramentas de transformação na vida das pessoas” -Tânia Jardim

Notícias de Angola A directora de marketing da empresa Refriango, Tânia Jardim, considerou hoje, em Luanda, que as marcas podem ser ferramentas de transformação na vida das pessoas, por isso, a Blue aposta fortemente em iniciativas de responsabilidade social.

Por: Mateus Sorte

Falando em conferência imprensa, que assinalou os 18 anos de existência do primeiro refrigerante produzido em Angola, a responsável apontou vários projectos desenvolvidos com destaque para os de apoio prestado à Maternidade Lucrécia Paim e ao Centro de Oncologia com abastecimento de água para utentes e de frutas, para os pacientes deste último.

Salientou que a Refriango tem contribuído com bens alimentar e apoio técnico assim como bolsas de estudos, ao jovens de três orfanato após atingirem a maior idade e facilitar os seus ingressos no mercado de trabalho.

Tânia Jardim acredita ainda que com a execução do projecto VoleiBlue, lançado em  2013, com impacto anual em três mil alunos entre oito e 12 anos, a prática da modalidade de voleibol, no país, tem desenvolvido.

A Blue é a primeira marca de refrigerante cem porcento angolana, pioneira da Refriango, produzido há 18 anos em todo território nacional, bem como em países membros da região da SADC como Moçambique, Cabo Verde, República Democrática do Congo (RDC), Namíbia, (África), na Portugal (Europa) e China (Ásia).

Comentários estão encerrados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de Privacidade e Cookies