Lotação de táxis volta aos cem por cento

0
Foto: DR

Por: Ivanine Silva

Após dias de grande tensão e enchentes nas paragens, por conta da redução na lotação dos transportes públicos, para os 50 por cento e uma ameaça da paralisação dos serviços em todo o país, por parte das associações de taxistas do país.

A decisão do aumento da lotação, adveio de uma reunião realizada na noite desta sexta-feira (7), entre a Comissão Multissectorial de Combate e Prevenção contra covid-19 e as diversas associações de taxistas, que concordaram com a medida desde que se cumpram os intentos de ambas as partes.

Por parte da Comissão Multissectorial, foi recomendado o cumprimento das medidas de biossegurança, bem como a amostragem do certificado de vacinação, como condição fundamental para a realização do serviço de táxi.

Silvia Lutucuta, Ministra da Saúde, salientou que é necessário que os taxistas exijam dos passageiros o cumprimento das medidas de prevenção contra o inimigo invisível, para se cortar o avanço da doença.

Já Leonardo Lopes, membro de umas das associações de taxistas que participaram na reunião, demonstrou satisfação pela aprovação desta medida e exortou ao cumprimento das medidas de prevenção.

De realçar que os serviços de transporte colectivo de pessoas e bens, ficou reduzido para 50 por cento, desde a actualização do decreto sobre o Estado de Calamidade Pública, desde o final do último ano, sob forma de redução do avanço do número de casos da covid-19 no país.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome.