O país cabe aqui.

Governo de Angola atribuí 55% de 155 Bolsas de estudo às mulheres

0
Notícias de Angola

Por: Victória Pinto

Das 155 Bolsas de estudo para cursos de mestrado e doutoramento, que serão atribuídas pelo Executivo angolano este ano, 55 por cento serão atribuídas às mulheres, anunciou neste fim de semana, em Luanda, a ministra de Estado para a Acção Social, Carolina Cerqueira.

As bolsas de estudos, serão atribuídas no quadro do Programa de Desenvolvimento das Ciências e Tecnologias. A informação foi dada durante um pequeno-almoço promovido pelo Ministério da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, em alusão ao Dia Internacional da Mulher.

De acordo com a ministra, as bolsas de estudos não só partilham a frequência de cursos técnicos, mas também contribuem para a redução do abandono escolar e da gravidez precoce.

Carolina Cerqueira, aproveitou a ocasião e fez saber que Angola está num bom caminho, no que diz respeito a autonomização, igualdade, paridade e representatividade das mulheres nos órgãos de tomada de decisão e defendeu, a igualmente e a necessidade de reverter muitos números das estatísticas que a nível mundial colocam a mulher sempre em situação de desigualdade e de descriminação.

“Vários países têm dado passos positivos para acelerar a autonomização e igualdade, paridade e representatividade das mulheres”, frisou.

A responsável da Acção Social, Família e Promoção da Mulher assegurou que a agenda do Executivo de 2018-2022 prevê mecanismos para acelerar a igualdade e a participação da mulher no processo de democratização do país e da sociedade e participação no desenvolvimento humano e sustentável.

A ministra ainda reforçou que, “as mulheres têm que garantir o seu lugar na sociedade e continuar a lutar pelos seus direitos iguais e oportunos para que sejam empurradas por quotas, mas também pela competência, pelo valor, e devem servir de alavanca para ocupar o lugar a que têm direito”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de Privacidade e Cookies