Girabola: Árbitro válida golo com recurso a imagens televisivas

0
Foto: DR

Por: Ivanine Silva

Um caso insólito e bastante polémico, aconteceu no último fim de semana, no Girabola, no jogo que opôs o Interclube ao Progresso do Sambizanga, onde o árbitro recorreu aos seus assistentes que tiveram acesso à imagens televisivas para validar um golo, depois desse ter sido anulado, isto sem se fazer o uso do VAR no país.

O jogo que contou para a 4ª jornada do Girabola, campeonato angolano da primeira divisão, terminou com o resultado de uma bola sem resposta à favor do Interclube, com o “golo polémico” a ser marcado aos 89 minutos da partida, depois do árbitro ter recorrerido aos seus assitentes que a partir da bancada tiveram acesso à imagens televisivas para validar o golo, numa espécie de Vídeo-árbitro (VAR).

Esta “consulta ao VAR”, feita por assistentes do árbitro Paulo Talaia, poderá motivar que Conselho de arbitragem aplique uma sanção disciplibar a equipa liderada pelo juiz, que pode terminar expulsa da competição.

Recorde-se que em 2018, o árbitro Paulo Talaia, foi sancionado com 85 dias de exclusão da competição, depois de ter validado um golo inexistente a favor do Sporting de Cabinda, numa bola que embateu na trave, no jogo contra o Petro de Luanda.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.