O país cabe aqui.

Aquecimento global ameaça estabilidade climática mundial

0

O aquecimento global, um dos problemas mais debatidos da última década, tem vindo a colocar em alerta a população mundial sobre os seus efeitos, que têm estado a ser sentidos a nível mundial com o registo de temperaturas muito elevadas, constantes mudanças climáticas e o derretimento de gelo nos lugares mais gelados do mundo.

A revista Nature Climate Change desta segunda-feira (12) traz mais uma pesquisa a se somar às tantas realizadas sobre o tema.

Um relatório anual feito por vários cientistas de todo o mundo, divulgado recentemente, aponta que ano de 2018 foi um dos quatro anos mais quentes deste século, fruto dos principais fenómenos climáticos registados a nível mundial.

Em causa está a grande emissão de gases de efeito estufa na atmosfera, produzidos principalmente pelas industrias e veículos automóveis movidos a combustível, que existem em grande escala nas grandes metrópoles.

Outras pesquisas apontam que até a metade deste século, alguns dos lugados mais gelados do mundo, como a Antartida, e os Andes na Bolívia, poderão ter mais de metade do gelo derretido.

Neste ano o clima tem seguido aquela que tem sido a tendência dos últimos quatro anos, 2015, 2016, 2017 e 2018, em que os termometros registaram temperaturas muito elevadas e deixaram em alerta a população mundial.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais

Política de Privacidade e Cookies